Presídios brasileiros não ressocializam detentos


presídio

Segundo o próprio Ministro da Justiça de cada dez detentos colocados em liberdade, sete voltam à prisão por cometer novos delitos!

Vem a pergunta: Por que isso acontece??

A resposta: As péssimas condições dos presídios, superlotação, não existem mecanismos que levam os detentos a ressocialização.

Nós últimos 18 anos o crescimento populacional penitenciário foi de 500%, com estimativa de fechar este ano com cerca de 500 mil presos, sendo o país o quarto posto mundial em número de presos, só perdendo para os Estados Unidos (cerca de 2,2 milhões), China (1,6 milhões) e Rússia (cerca de 0,8 milhão).

Apesar do governo investir na cronstrução de novos presídios, ainda existe um grande déficit, levando a superpopulação carcerária.

Nos presídios os detentos têm a oportunidade de trocar experiências com os demais, ou seja, tornar-se uma "escola do crime".

Cada dia, mais e mais a população carcerária cresce, detentos entram, cumprem suas penas e saem, mas muitos acabam voltando....a prisão brasileira, em vez de ressocializar, apenas degrada mais os detentos.

Fonte: Última Instância

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Os comentários expressam a opinião dos visitantes e não do AUTOR deste blog. No momento os comentários são moderados, já que ultimamente temos recebido muitas inutilidades.

O autor não se responsabiliza por qualquer conseqüência e/ou dano que algum comentário venha a provocar a terceiros.

Comentários inadequados serão REMOVIDOS, incluindo ofensas pessoais, racismo, pregações religiosas, textos totalmente em letras MAIÚSCULAS, palavrões desnecessários ou miguxês, etc.

Obrigado e volte sempre.