Como a tecnologia tem modificado os esportes


Não existe uma área na sociedade que a tecnologia não tenha alterado. O modo como nós vivemos desde os avanços tecnológicos tem sido um reflexo dessas mudanças e nos esportes é o mesmo. Hoje, o mundo do esporte é um negócio que move bilhões, graças à tecnologia. Com os avanços das comunicações e das informações, por exemplo, o esporte tem ganhado um aspecto ainda mais importante dentro da sociedade, o que antes era lazer e uma expressão nacional, hoje se tornou uma das maiores indústrias do mundo. Não é por acaso que o intervalo mais caro do mundo é do Superbowl, evento da final do futebol americano. Os EUAs é a grande potência por trás do capitalismo, a qual percebeu que o esporte é uma das causas que mais unem as pessoas e que mais atraem as suas atenções. Dessa forma, isso tudo só foi possível por causa da tecnologia. Abaixo mostramos alguns pontos sobre como a tecnologia é uma grande aliada para o mundo esportivo.

Tecnologia da informação: mídias sociais, e-commerce e dados
Man in the Swimming Pool 
IMAGE SOURCE: Pexels.com
Foi graças às mídias sociais que a cobertura dos esportes ganhou uma outra dimensão. Além de assistir ao jogo, é possível deixar comentários no Facebook, realizar tweets no Twitter a cada passe de bola, curtir as fotos no Instagram dos jogadores nos bastidores e ainda rever os lances no YouTube. O que antes era um espetáculo de 90 minutos se torna praticamente eterno. Por fim, ainda dá para manter um blog com todas as informações do jogo. O fato de ser possível realizar compras online tornou muito mais fácil vender ingressos em escala mundial. Qualquer pessoa no mundo pode comprar um ingresso para assistir o esporte que quiser. Ou seja, um mercado que era antes limitado à sua cidade, agora não tem fronteiras. Em adição, hoje também é possível vender diversos produtos para o mundo todo relacionados aos esportes em escala global.
O sinônimo do século XXI é era da informação e não poderia ser diferente. Hoje em dia tudo se transforma em dados. A digitalização da sociedade garante que cada movimento realizado dentro da internet gere uma informação. É graças a isso que equipes esportivas usam dados importantes para analisar e melhorar os desempenhos de seus jogadores. No filme premonitório Moneyball (2011), o Brad Pitt, gestor do time de baseball Oakland Athletics, cruza estatísticas de desempenho de atletas para conseguir o melhor time. Diversas empresas querem também contribuir para que os esportes se expandam ainda mais além de cada confronto físico. A casa de apostas Betway, por exemplo, usa um imenso volume de dados digitais chamado big data e ferramentas específicas para resultar em apostas. Os dados são informações coletadas de acordo com o desenvolvimento de cada esporte nos últimos anos com o máximo de especifícidade. Se for um time de futebol que faz parte da FIFA, vai conter quantas vezes foi campeão, números de gols, de cartões amarelos e vermelhos, entre muitas outras. Os rôbos fazem a análise desses dados resultando nas probabilidades. Além disso, a Fórmula 1 é conhecida por usar os dados para desenvolver técnicas de vencer em cada corrida. Através de inúmeros dados coletados em uma corrida uma equipe consegue se preparar melhor do que a outra e possivelmente vencer.
Como os novos equipamentos mudaram os esportes
Man in Red Motorcycle Suit on Red and Green Sports Motorcycle 
IMAGE SOURCE: Pexels.com
A tecnologia possibilita a invenção e a criação de novos equipamentos. O esporte aproveita isso em 360 graus. Desde os testes médicos, até os treinos e as competições, tudo se tira proveito da tecnologia. Nos testes médicos, há diversos recursos para estimular ao máximo a qualidade e a recuperação de cada músculo. Durante os treinos, muitos atletas são monitorados por equipamentos que passam um monte de informações, as quais são analisadas e otimizadas ao máximo pelos treinadores. E nas competições, os uniformes e todos os acessórios são feitos para garantir o máximo de aproveitamento de cada atleta. Tudo isso são exemplos do que os novos equipamentos podem trazer.
A tecnologia também proporciona mais segurança, isso porque os esportes vão sendo avaliados ano a ano e o que poderia antes ser fonte de um acidente é modificado e melhorado para garantir cada vez mais ainda mais segurança para os atletas e as pessoas envolvidas. Além disso, é possível prevenir condições adversas à prática de certos esportes, evitando mais uma vez qualquer possibilidade de acidentes. Os esportes que definitivamente mais ganham com isso são os radicais e também os motorizados.
O televisionamento dos esportes também é algo que melhorou muito. A evolução das câmeras e também nos modos de filmar permitem que uma pessoa tenha até mesmo a sensação de estar no lugar que o esporte está acontecendo. Hoje é possível ter uma experiência muito mais realista e dinâmica do esporte. Há até mesmo recursos de realidade virtual, os quais com recursos em 3D, o telespectador pode interagir com o que está acontecendo diante dos seus olhos em uma quarta realidade. A arbitragem também é algo que se modificou muito devido às novas tecnologias. Hoje a equipe de arbitragem tem muito mais recursos técnicos para avaliar profundamente um lance praticamente de todos os ângulos, o que resulta em resultados mais precisos e mais objetivos. Segundo o site Olhar Digital, a esgrima foi um dos primeiros esportes a se aproveitar das tecnologias para se modernizar e melhorar.
Outras mudanças: alimentação, estádios e eSports
Athletes Running on Track and Field Oval in Grayscale Photography 
IMAGE SOURCE: Pexels.com
Graças aos avanços da tecnologia, hoje a genética está superavançada e é possível criar uma alimentação e uma suplementação específica para cada atleta de acordo com o seu DNA. Dessa forma, o rendimento chega ao seu máximo. As irmãs Willians, multicampeãs do tênis, apostam, por exemplo, em uma alimentação vegana e crua para serem atletas de alta performance. Até mesmo os estádios melhoraram com as novas tecnologias, hoje os melhores estádios contam até mesmo com delivery de comidas e de bebidas no acento. Além disso, os acentos apresentam infraestrutura para se aquecerem em tempos frios. Ou seja, é possível ter o mesmo conforto em alguns estádios. que se teria em casa. Por fim, há o surgimento dos eSports, esportes que são apenas capaz de serem realizados através da tecnologia, como os videogames. Hoje jogar videogame como League of Legends ou Hearthstone pode ser uma verdadeira profissão e com direito a treinos, títulos, fãs, fama e dinheiro. Hoje grandes sites como o ESPN tem uma página exclusiva só para a cobetura deles, o que mostra a sua relevância no cenário de esportes.
Ficou claro que com esses 10 exemplos, o esporte só ganhou com as tecnologias, as quais proporcionaram uma revolução e deixaram o esporte em um novo patamar dentro da sociedade. Hoje não há mais espaço para amadorismo, e quem não se aproveita das tecnologias não chega mais nos níveis mais alto dessa indústria.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Os comentários expressam a opinião dos visitantes e não do AUTOR deste blog. No momento os comentários são moderados, já que ultimamente temos recebido muitas inutilidades.

O autor não se responsabiliza por qualquer conseqüência e/ou dano que algum comentário venha a provocar a terceiros.

Comentários inadequados serão REMOVIDOS, incluindo ofensas pessoais, racismo, pregações religiosas, textos totalmente em letras MAIÚSCULAS, palavrões desnecessários ou miguxês, etc.

Obrigado e volte sempre.